"Não se concentre tanto nas minhas variações de humor, apenas insista em mim. Se eu calar, me encha de palavras, me faça querer dizer outra e outra vez sobre você, sobre nós, e todo esse amor. Se eu chorar, não me faça muitas perguntas, não precisa nem secar minhas lágrimas. Só me diz que você continuará comigo pra tudo, que tenho teu colo e teu carinho. E ainda que te doa me ver assim, me envolva nos teus braços e diga que eu posso chorar, mas que você não sairá dali enquanto eu não sorrir. Porque é isso que nos importa, não é? O sorriso um do outro. Não é?" Caio Fernando Abreu

Posted 9 April 2012, 2 years ago | 97 notes | reblog this post

"Me cobrou um amor, que no momento eu só posso sentir por mim… Meu amor próprio, é tão grande que não cabe você." Caio Fernando Abreu

Posted 9 April 2012, 2 years ago | 38 notes | reblog this post

"E mesmo assim, é em você que eu penso, é de você que eu gosto, é pra você que eu volto… sempre." Caio Fernando Abreu

Posted 13 January 2012, 2 years ago | 44 notes | reblog this post

"Mas de tudo isso, me ficaram coisas tão boas… Uma lembrança boa de você, uma vontade de cuidar melhor de mim, de ser melhor para mim e para os outros. De não morrer, de não sufocar, de continuar sentindo encantamento por alguma outra pessoa que o futuro trará, porque sempre traz, e então não repetir nenhum comportamento. Ser novo." Caio Fernando Abreu

Posted 13 January 2012, 2 years ago | 29 notes | reblog this post

Tem muita coisa que, francamente, cá entre nós, não faço mesmo questão de saber.” Caio Fernando Abreu

Posted 12 December 2011, 2 years ago | 24 notes | reblog this post

"A coisa que uma pessoa mais precisa na vida, é gostar das outras e ser gostada, também." Caio Fernando Abreu

Posted 12 December 2011, 2 years ago | 11 notes | reblog this post

"Tente. Sei lá, tem sempre um pôr-do-sol esperando para ser visto, uma árvore, um pássaro, um rio, uma nuvem. Pelo menos sorria, procure sentir amor. Imagine. Invente. Sonhe. Voe. Se a realidade te alimenta com merda, meu irmão, a mente pode te alimentar com flores. Eu não estou fazendo nada de errado. Só estou tentando deixar as coisas um pouco mais bonitas." Caio Fernando Abreu

Posted 11 December 2011, 2 years ago | 38 notes | reblog this post

"Este é um ponto importante: Ir. Sobretudo, em frente." Caio Fernando Abreu

Posted 10 December 2011, 2 years ago | 42 notes | reblog this post

"Tomara que a gente não desista de ser quem é, por nada nem ninguém deste mundo. Que a gente reconheça o poder do outro sem esquecer do nosso. Que as mentiras alheias não confundam as nossas verdades, mesmo que as mentiras e as verdades sejam impermanentes. Que friagem nenhuma seja capaz de encabular o nosso calor mais bonito. Que, mesmo quando estivermos doendo, não percamos de vista nem de sonho, a ideia da alegria. Tomara que apesar dos apesares todos, a gente continue tendo valentia suficiente para não abrir mão de se sentir feliz." Caio Fernando Abreu

Posted 8 December 2011, 2 years ago | 60 notes | reblog this post

"Você não vai encontrar caminho nenhum fora de você. E você sabe disso. O caminho é in, não off." Caio Fernando Abreu

Posted 8 December 2011, 2 years ago | 17 notes | reblog this post

"Aprendi a gostar de viver e ser feliz." Caio Fernando Abreu

Posted 8 December 2011, 2 years ago | 8 notes | reblog this post

"Era sábado à noite, quase verão, pela cidade havia tantos shows e peças teatrais e bares repletos e festas e pré-estréias em sessões de meia-noite e gente se encontrando e motos correndo e tão difícil renunciar a tudo isso para permanecer no apartamento lendo, espiando pela janela a alegria alheia." Caio Fernando Abreu

Posted 26 November 2011, 2 years ago | 7 notes | reblog this post

"Os dias passavam, passavam e passavam, alcançavam as semanas, dobravam as quinzenas, atingiam os meses, acumulavam-se em anos, amontoavam-se em décadas — e nada acontecia. Eu tinha a impressão de viver dentro de uma enorme e vazia bola de gás, em constante rotação." Caio Fernando Abreu

Posted 25 November 2011, 2 years ago | 14 notes | reblog this post

"Você sempre viveu sem ele, e continuará vivendo. Me poupe do drama." Caio Fernando Abreu

Posted 25 November 2011, 2 years ago | 21 notes | reblog this post

Poucos sabem, mais a palavra “amor” é derivada da palavra “morte”. Quando você diz a uma pessoa “eu te amo”, é como dizer: eu morreria por você.” Caio Fernando Abreu

Posted 23 November 2011, 2 years ago | 40 notes | reblog this post